quarta-feira, 26 de fevereiro de 2014

Poesia na Vidraça


Durante o Congresso Nacional de Poesia em Bento Gonçalves, as vitrines das lojas transformam-se em portadores de poemas. É um projeto lindo e estabelece diálogo entre quem vai às compras e a poesia dos versos ali escritos.

Fotografei alguns e aqui deixo amostra do que se encontra nas vitrines de Bento no mês de Outubro.
Além de conhecer estas obras primas da atual poesia brasileira, convido-os a ler poema de Manoel de Barros sobre o ofício do poeta: http://psicopedagogiaempoesia.blogspot.com.br/2007/11/o-menino-aprendeu-usar-as-palavras.html


Poeta: Sônia Maria Grillo
Conheça mais sobre a poeta: http://www.almadepoeta.com/sonia_maria_grillo.htm

Poeta: Ademir Antônio Bacca

Poeta: Armindo trevisan

Poeta: Tchello D`Barros

Poeta: Marina Colasanti


Poeta: Dalmo Saraiva

Tanussi Cardoso

Poeta: Sílvio Ribeiro de Castro

Poeta: Débora Nune

Poeta: Rosemari de Gasperi Foppa

Poeta: Artur Gomes

Poeta: Cláudio Limeira

Poeta: Lara de Lemos

Poeta: Marisa Ly

Poeta:  Nalu Nogueira

Poeta: Angela Abi - Sáber

Poeta: Ricardo Mainieri



Poeta: Giulia Barão


Poeta: Coelho Vaz



Poeta: Mário Feijó



Poeta: Millôr Fernandes

Poeta: Wishner Fraga


Poeta: Joaquim Branco



Poeta: Wilson Dias


Poeta: Helena Kolody


Poeta: Edival Perrini


Poeta: Enilda das Graças Pacheco

Poeta: Ronaldo Cagiano

Poeta: Millôr Fernandes

Poeta: Lourismar

Poeta: Mário Quintana

Poeta: Chico Xavier

Poetas: Valéria Tarelho e Acácia Rios



Poeta: Bilá Bernardes

Transcrevo o poema:

Quando madrugada adentro
meus olhos não querem cerrar
pego meus instrumentos favoritos
ligo o rádio e produzo
versos com fundo musical
                Bilá Bernardes 
(quando publiquei esse poema em Bento Gonçalves/2006 ainda não adotara o codinome Bilá Bernardes)



Um comentário:

  1. Grato pela divulgação de meu poema. Tardiamente te cumprimento. Abraço do Ricardo Mainieri

    ResponderExcluir